Composite Low tech não deu certo !!!

Olá amigos, a construção estava parada desde a viagem a Abrolhos, que foi interrompida em Vitoria. Antes de viajar, eu estava concluindo o teto da cabine. 

Seria, pelo manual, um sanduiche de compensado de 4mm com espuma de poliuretano de 80kg/m² com uma estrutura de cedro no meio. Como não consegui comprar a espuma de 80kg/m², comprei uma de 60kg/m² e achei por bem colocar uma camada de fibra nesse sanduiche para compenssar a espuma mais fraca. 

Eu laminando antes de viajar


















Seria uma grande idéia, mas a maneira como fizemos não foi a correta. Fiz tudo de uma vez só. Colei a espuma, laminei um tecido por cima e sem esperar secar coloquei um compensado por cima, com parafusos e peso. Resultado, a espuma chupou o epoxi, a fibra, em alguns pontos, e o compensado, aonde não estava aparafusado, deu bolhas. O compensado ficou todo ondulado com bolhas por baixo. 

Resolvemos tirar tudo, perder o material, e fazer de outra forma, Consertei o estrago da retirada e emassei toda espuma, amanhã apos uma breve lixada colaremos de novo um compensado sem a fibra. E desta vez com epoxi+aerosil, pois da primeira vez foi somente epoxi. Vejam as fotos do estrago...

Os buracos que sobraram da retirada do material



A espuma já consertada e com massa por cima

Amanhã colaremos o 4 mm

Comentários

  1. Legal voce postar sua experiência e assim compartir o aprendizado. Desta vez parece que ficará bom. Pensei naquelas placas de isolamento térmico de cor azul que é utilizada na construção civil. Será que daria certo?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Voando mais baixo e olhando para o Tiki 21

Catamaran ou Catamarã

Sea People - PCA